RS- Prêmio a policiais que conseguirem prender a dupla

87

A caçada à dupla Luizinho e Michelzinho, também chamado de Miuk, está mexendo com o meio policial. O Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO/Serra) prometeu alguns dias de folga aos PMs que capturarem a dupla. PMs nas ruas estão sempre atentos a informações sobre o possível paradeiro da dupla e também para o iminente confronto. Agentes da Polícia Civil de Caxias e do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) também procuram pelos bandidos.

Mas o cerco à dupla pode estar se estreitando. Michel e Luís teriam abandonado os parceiros do assalto ao banco em Ipê, presos após o crime. A dupla não teria auxiliado a pagar advogado e nem reservado a parte que cabia aos parceiros. Isso seria uma resposta porque os detidos delataram o bando à polícia.

A dupla ainda é procurada por criminosos do bairro Euzébio Beltrão de Queiróz, que querem vingança pela morte de pelo menos três moradores. Em 2009, Michelzinho teria assassinado e carbonizado um desafeto que era morador da vila. Quando foi recolhido e levado à Penitenciária Regional de Caxias sofreu represálias da comunidade e prometeu vingança. Luizinho passou a ajudá-lo na empreitada. Michel está indiciado e com prisão decretada pela assassinato de Vinícius Rodrigues Correa, 18, em setembro de 2010.

 

PIONEIRO