Os servidores públicos federais já estão sob as normas do novo regime previdenciário.

No novo modelo, quem entrar agora ganhando acima do teto do INSS, hoje em R$ 4,1 mil, não poderá receber da Previdência o salário integral ao se aposentar.

Para receber mais que o teto, deverá contribuir para o fundo complementar.

Fonte: Jornal Correio do Povo

Postado por Comunicação DEE ASSTBM

Deixe um comentário