Diárias da Operação Verão são garantidas

55

Policiais da Civil e Brigada Militar devem receber R$ 27 milhões em diárias

Reunião na tarde de ontem garantiu o pagamento de diárias para os policiais da Brigada militar e Polícia Civil que participam da Operação Verão Numa Boa, apesar do decreto publicado na segunda-feira que define contenção nos gastos públicos por 180 dias. Pelo documento, fica limitado em 75% o pagamento deste tipo de despesa em comparação ao volume realizado no primeiro semestre de 2014. Gastos acima desse índice dependem de avaliação da Junta de Coordenação Orçamentária e Financeira (Juncof), formada pelos secretários da Fazenda, Secretaria-Geral de Governo, Planejamento e da Casa Civil.

A reunião contou com a presença dos secretários da Fazenda, Giovani Feltes, e da Segurança Pública (SSP), Wantuir Jacini, além do futuro comandante-geral da BM, coronel Alfeu Freitas, e o chefe da Polícia Civil, delegado Guilherme Wondracek.

O secretário da Fazenda, Giovani Feltes, destacou que a contenção de despesas pretende assegurar a continuidade dos serviços essenciais para a sociedade, como é o caso da segurança dos veranistas que frequentam o Litoral nesta época do ano.

Feltes disse que o gasto com diárias quase duplicou no governo passado, atingindo R$ 480 milhões ao longo do ano.

Para esta edição da Operação Verão Numa Boa, que prossegue até a primeira quinzena de março, o governo estima o pagamento de R$ 27 milhões apenas em diárias. Ainda nesta semana técnicos do Tesouro do Estado e da SSP vão se reunir para tentar adequar as necessidades dos órgãos de segurança aos limites definidos pelo decreto.

Fonte e foto: Correio do Povo 08jan2015

Postagem: Comunicação DEE ASSTBM 

Operação Verão Numa Boa segue até março
Operação Verão Numa Boa segue até março