Embora as entidades dos servidores da área de segurança pública façam contato diário com os deputados visando defender os interesses da categoria, podemos considerar que a tarde de hoje foi atípica. As entidades se reuniram na tarde de hoje com a bancada do PDT, partido aliado do governo para explicar porque são contra a PEC 242 que extingue a Licença Especial e o PLC 206 cujo artigo 6 proíbe reajustes salariais já aprovados em lei e pediram para que os deputados se posicionasse contra tais projetos. A ASSTBM foi representada por Alex Caiel e Dagoberto Valteman, sendo que ao falar Caiel enfatizou que o governo Sartóri além de causar o desmonte da Segurança Pública expõe seus servidores ao sacrifício e os usa como bode expiatório ao culpá los pela crise financeira do Estado.

Fonte e postagem: Comunicação DEE ASSTBM

Fotos: Dagoberto Valteman

20150630_132853