Desfile de 20 de setembro tem protestos e apoio a Sartori

43

1thumbGrupo se manifestou contra parcelamento de salários

O desfile cívico-militar na avenida Edvaldo Pereira Paiva, zona Sul de Porto Alegre, que lembra a Revolução Farroupilha, foi marcado na manhã deste domingo pelo encontro de grupos que são contra a gestão do governador José Ivo Sartori e outro que se colocou a favor. O evento contou com a participação da Brigada Militar (BM), do Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) e da Polícia Civil, que havia prometido boicotar a cerimônia, mas participou com 20 viaturas.

Sartori, que esteve presente ao lado do prefeito José Fortunati, chegou  de maneira discreta e por um caminho diferente daquele destinado para as autoridades. O governador foi blindado e escoltado por seguranças, que fizeram questão de afastar a imprensa para evitar questionamentos.

Durante o desfile, um grupo de servidores da Urgeirm Sindicato, que representa os policiais civis, reclamou do parcelamento de salários, enquanto outros manifestantes se colocaram a favor de Sartori. O presidente da Urgeirm, Isaac Ortiz, criticou a atitude e disse que essas pessoas foram contratadas pelo governador para defender a gestão. “Esta é uma prática de Hitler e Stalin”, comentou em entrevista à Rádio Guaíba.

Confira vídeo do desfile

 

 

 

Jerônimo Pires / Rádio Guaíba