Quadrilha assalta bancos e queima viatura da BM no Noroeste do Rio Grande do Sul

12

Criminosos usaram populares como escudo humano em Miraguí

As agências bancárias do Banrisul e do Sicredi em Miraguaí, no Noroeste do Rio Grande do Sul, foram assaltadas na tarde desta segunda-feira. Antes de colocar populares na frente dos bancos para impedir um confronto com os órgão de segurança, o grupo de assaltantes capturou um sargento da Brigada Militar e a viatura que ele usava. O carro foi incendiado após o crime

Após a ação, a quadrilha fortemente armada chegou a agência do Sicredi, da avenida Ijuí, e efetuou vários disparos para deixar funcionários e populares assustados. Na sequência, formaram o cordão humano e roubaram a agência. 

Em seguida, se deslocaram para a agência do Banrisul que fica na mesma rua. Voltaram a efetuar vários disparos antes de formar o escudo humano. Após roubar a agência, com o sargento e a viatura, mais um Toyota Corolla e um Chevrolet Cruze, o bando fugiu para o Sul do Estado, pela ERS 330, na direção de Redentora. Assim que saíram da zona urbana de Miraguaí colocaram fogo na viatura em frente a igreja adventista e liberaram os reféns.

Durante o assalto, populares dos dois extremos da cidade orientavam o trânsito para outros condutores não se aproximarem das agências na avenida Ijuí, onde ocorria a ação. 

O ataque é o sétimo com características do Novo Cangaço desde dezembro de 2016. O último havia ocorrido no dia 27 de janeiro em Maximiliano de Almeida, na metade Norte do Rio Grande do Sul.

Correio do Povo