Então a culpa é nossa Governador Sartori!!!

13227

Nesta quinta-feira (01/11) o secretário da fazenda em entrevista pela manhã na Rádio Gaúcha, bem como o próprio secretário Cesar Schirmer na edição impressa de ZH,  afirma que “a folha está nesta situação devido ao aumento dado para a segurança pública”, total demonstração de incapacidade política, administrativa e financeira de quem nunca elegeu prioridades na sua gestão, não sendo capaz de buscar soluções efetivas para os problemas do Estado.

Após o término das eleições, o governo do estado não paga a folha de outubro dos servidores,  não faz o repasse dos créditos de convênios e mensalidades referente ao mês de setembro, que são descontados do salário dos brigadianos e destinados a honrar pagamentos de débitos de convênios, como por exemplo: farmácias, clinicas e escolas, colocando todos na situação de inadimplentes, com risco de suspensão destes serviços. Não bastasse isso, usa de revanchismo eleitoral, não repassando às entidades de classe as mensalidades referentes ao mês de setembro, apoderando-se de um dinheiro QUE NÃO É SEU!!

“O Rio Grande no rumo certo” foi uma fraude eleitoral, pois que rumo certo seria este? Um governo que aumentou impostos, vendeu estatais, vendeu ações do banrisul, vendeu folha de pagamento, não está pagando a dívida com a união e mesmo assim não honra seus compromissos, que tipo de solução poderia se esperar deste governo em 2019 caso fosse reeleito.

O Rio Grande do Sul NUNCA esteve no rumo certo, retrocedemos ao longo destes 4 anos, e não foi apenas nas questões de salários, no serviço público perdemos posições na educação, na saúde, no investimento, na geração de empregos, na produção agrícola, empresas foram embora graças a falta de estrutura e altas taxas de impostos. Não pagar salários em dia é apenas a consequência da desastrosa gestão de José Ivo Sartori. Tenhamos fé em tempos melhores.

DEEE- ASSTBM

“Pelo Poder da vontade e não pela vontade do poder”