Presidentes da ASSTBM e ABAMF alertam que projetos não foram retirados da pauta e pedem para a categoria manter a mobilização

864

O Governo Estadual não cumpriu o declarou em entrevistas na noite de 16 de dezembro. A retirada da urgência dos projetos que atingem os Militares Estaduais não se concretizou. O presidente da ABAMF, José Clemente, da ASSTBM, Aparício Santellano, e o vice-presidente da ABERGS, Ederson, foram atrás de informações e ouviram de deputados que o governo quebrou o acordo firmado.

Com isso, as Entidades mantém a mobilização da categoria se nenhuma modificação e permanecem acampados na Praça da Matriz.