Policiais terão programa habitacional anunciado às vésperas do 7 de setembro

2244

O governo federal fecha os últimos pontos para lançar antes do feriado de 7 de setembro o programa de financiamento da casa própria para policiais e bombeiros “Habite Seguro”. O anúncio será feito pelo presidente Jair Bolsonaro com ministros, mas o da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, será um dos protagonistas. A medida vai beneficiar militares da ativa e reserva das polícias militar, civil e federal, além da Rodoviária, Corpo de Bombeiros e institutos oficiais de criminalística.

O “Habite Seguro” já tem aprovação dos ministérios da Justiça, Desenvolvimento Regional e da Economia – Paulo Guedes deu aval nesta semana -, após duas portegações do lançamento do projeto, em julho e agosto. Agora, aguarda a palavra final da Secretaria de Governo. O dinheiro vem do Fundo Nacional de Segurança. A Caixa Econômica Federal vai gerir o fundo de R$ 100 milhões do programa, que terá taxas de juros mais baixas na compra de imóvel (entre 4,75% e 7% ao ano )e subvenção de R$ 13 mil para dar entrada no financiamento e pagar taxas de cartório.

Terá direito ao financiamento os profisisionais da área de segurança -incluindo pensionistas- com salários mensais de até R$ 7 mil.

A data do anúncio às vésperas das manifestações do 7 de setembro de uma linha de crédito imobiliário especial para policiais inflama as criticas e análises de militarização da administração pública no país no governo Bolsonaro. Além de ter mais de 6 mil militares ocupando cargos civis em diferentes áreas, o governo atual tem facilitado gratificações e benefícios à categoria.

As manifestações de 7 de Setembro em favor do presidente deve ter a participação de policiais e militares, mesmo que à paisana. Como mostrou o SBT News, o Governo do Distrito Federal vai fechar a Praça dos Três Poderes, para proteger principalmente o prédio do STF, alvo principal dos protestos.

Fonte: sbt.com.br