A manhã de sexta-feira (25/2) foi de homenagem no Quartel do Comando-geral em Porto Alegre, quando o soldado Carlos Nadir Farinha Ribeiro, foi recebido pelos oficiais do Comando-geral e recebeu a Comenda da Brigada Militar.

O soldado, integrante do 26º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Cachoeirinha, salvou a pequena Isabella, de apenas três meses de vida. O bebê engasgou-se e os pais não conseguiram desobstruir as vias aéreas da criança, e foram buscar ajuda no Batalhão, onde o soldado estava de serviço. O militar realizou a manobra de Heimlich e a criança recobrou os sentidos. 

Toda a ação foi gravada pelas câmeras de segurança da unidade, e repercutida em veículos de imprensa. Pouco antes do fato, em uma chamada de vídeo, o militar se despedia de seu filho Victor, de sete anos, porém, diante da emergência, acabou não desligando o telefone, e todo o desenrolar da ocorrência foi acompanhado pela criança, que agora chama o pai de “super herói”. O soldado também é pai de Brenda, de 22 anos, e relata que a família ficou muito orgulhosa pela postura do pai.

O comandante-geral da BM, coronel Cláudio dos Santos Feoli, concedeu a Comenda da Brigada Militar, em reconhecimento pelo salvamento realizado pelo soldado Carlos. O oficial também entregou um elogio ao militar, onde enalteceu efusivamente as virtudes do policial. Participaram do ato o subcomandante-geral, coronel Douglas Soares da Rosa, o chefe do Estado-Maior da BM, coronel Rogério Stumpf Pereira Júnior, e o comandante do 26º BPM, tenente-coronel Rafael Tiaraju de Oliveira.

O comandante-geral agradeceu ao soldado e disse que “é importante reconhecer esse tipo de ação, pois ele denota o quanto nossos policiais estão preparados, técnica e psicologicamente, para agir nas mais diferentes demandas para as quais a Brigada é acionada”.

O soldado Carlos, que possui 19 anos de serviços à Instituição, disse “ser uma sensação inigualável, ter tido a oportunidade de salvar um bebê, ainda mais pra mim, que sou pai… ouvir o choro daquela criança, quando ela conseguiu respirar, me causou extrema felicidade, e me sinto muito realizado enquanto profissional por ter conseguido ter sucesso nessa missão”, disse o brigadiano.

Fonte: Comunicação Brigada Militar