Nesta Quarta-feira 09/03 a ASSTBM reuniu sua diretoria executiva estadual

A reunião contou com a presidência Estadual Aparicio Santellano, Onildo Carvalho e Daltro Quadros Duarte e os diretores presidentes das regionais de Passo Fundo, Livramento, Santa Maria, Vacaria, São Luiz Gonzaga, Pelotas, Cruz Alta, Caxias do Sul, Três Passos e Lavras do Sul integrantes da DEE, além dos diretores e coordenadores da sede central, ainda registramos a presença do presidente do CDF José da Silva Pedroso, assim como o diretor presidente da IBCM Daniel Lopes dos Santos seu Vice Alceu Bosi o diretor do Correio Brigadiano Gilson Noroefé e o associado Francisco Neto.

Na reunião foi deliberado vários assuntos de ordem administrativa como o Balanço Financeiro referente ao ano de 2021 e aprovação propostas atinentes as Regionais; Assim como atos e ações de interesse da classe, onde ficou decidido intensificar ações junto ao governo do estado para uma reposição imediata no salário dos Brigadianos e demandas atinentes a modernização do plano de carreira, bem como a regularidade das promoções previstas em lei;

Foi deliberado e aprovado também o início da execução para instalação de um elevador na colônia de férias; Foi deliberado e aprovada a não execução da 19° Copa Estadual Tiradentes da Asstbm 2022 em Cidreira, mas liberada a autonomia da sede central e demais Sedes Regionais para executarem atividades esportivas e sociais conforme o protocolo sanitário vigente para cada região.

A reunião serviu também para comunicar a parceria por iniciativa do associado Francisco Neto com psicólogos credenciados para a renovação da identidade com porte de arma dos militares estaduais, que estarão disponíveis na sede da ASSTBM a partir do próximo mês, agilizando o processo principalmente para os brigadianos oriundos do interior do estado.

Além disso foi debatido a necessidade de representatividade política dos policiais militares nas próximas eleições do corrente ano, fato q que é fundamental para o futuro das demandas dos servidores militares e da instituição, ficou estabelecido aguardar as definições oficiais dos prováveis candidatos oriundos da classe para se adotar alguma atitude conjunta pela entidade ou liberação para atuação que cada um julgar conveniente.