Governo publica nesta sexta-feira promoções de servidores da segurança pública

2975

Na entrega de viaturas para o Corpo de Bombeiros e IGP, governador disse que não vai mais cobrar sacrifício dos funcionários públicos 

ROSANE DE OLIVEIRA GZH

Leite anunciou publicação de promoções durante cerimônia no comando-geral do Corpo de Bombeiros. Mauricio Tonetto / Secom / Divulgação

As promoções para os servidores da área de segurança pública serão publicadas nesta sexta-feira (22). A informação foi dada pelo governador Eduardo Leite na entrega de viaturas para o Corpo de Bombeiros e o Instituto Geral de Perícias (IGP), e reforçada mais tarde na rede social X. 

“Tivemos enchentes, enxurradas e ciclones que exigiram muito das nossas forças de segurança. Fazemos as devidas promoções como reconhecimento pelo esforço e empenho de todos”, escreveu. 

Além de anunciar as promoções, esperadas com ansiedade pelas corporações, Leite fez um desabafo que pode ser entendido como resposta às federações empresariais, que não concordaram com o aumento do ICMS, resistem ao corte de benefícios fiscais e sugerem que o governo corte despesas: 

— Não vamos permitir que se imponham sacrifícios adicionais aos nossos servidores públicos, que já entregaram a sua cota nas reformas. Vamos trabalhar para que o Estado mantenha a capacidade fiscal, não apenas para fazer investimentos, mas para fazer o justo reconhecimento no salário dos nossos servidores, com recomposição inflacionária que mantenha o poder de compra de todos. 

Leite contou que, nas discussões das últimas semanas, não faltaram manifestações de parlamentares e entidades dizendo que o governo errou ao dar a reposição inflacionária de 6% aos servidores em 2022. 

— Uma bancada de um partido político na Assembleia disse que o governo aumentou R$ 4 bilhões na despesa nos últimos anos e que isso era condenável. Quando a gente abria a apresentação deles, a tabela mostrava a reposição de efetivo da Segurança Pública, a reposição inflacionária, o piso do magistério. Então eu digo: não precisamos de efetivo policial? Não precisamos do Corpo de Bombeiros, do IGP, da Polícia Civil, da Susepe? É claro que a gente precisa. E precisamos de servidores com motivação e capacidade, que o serviço público seja capaz de atrair e manter os melhores talentos — continuou. 

Entregas para Corpo de Bombeiros e IGP  

No ato, Leite reforçou o compromisso de investir mais de R$ 7,1 milhões em equipamentos para o Corpo de Bombeiros Militar e o IGP. 

A corporação contará com um novo caminhão Auto Bomba Tanque (ABT), destinado ao município de Barra do Quaraí. O valor investido é de R$ 1,195 milhão com recursos do Fundo para Reconstituição de Bens Lesados (FRBL) e do Ministério Público do Rio Grande do Sul. 

Também foram entregues mais 15 motos aquáticas, adquiridas com recursos do Fundo Especial da Segurança Pública (Fesp), ao custo de R$ 1,537 milhão. Os 20 quadriciclos, comprados  por meio do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP), representaram um investimento total de R$1,405 milhão. Esses veículos desempenharão um papel crucial em ações de salvamento, especialmente em municípios estratégicos como Arroio do Sal, Capão da Canoa, Cidreira, Imbé, Palmares do Sul, Pinhal, Rio Grande, Santa Vitória do Palmar, Torres, Tramandaí e Xangri-lá.