CE- "Levante a mão!": Governo atende reivindicações e policiais encerram greve

35

Aumento de salário e anistia para os grevistas. Não estaria na hora de revogarmos as leis em desuso?

Anistia aos militares, reajuste salarial, diminuição de carga horária, desconsideração de multas para as associações. O governo do Ceará decidiu acatar as reivindicações, e os bombeiros e policiais puseram fim à greve na noite dessa terça-feira (3).

De acordo com informações da imprensa daquele estado, a escritura dos termos do acordo foi encaminhada ontem mesmo. E aprovado pelo governador Cid Gomes (PSB).

O salário do soldado, por exemplo, será de R$ 2.634,00, retroativo a janeiro de 2012. O vale-refeição será de R$ 224,00.

Estavam presentes na reunião o presidente da Associação de Cabos e Soldados, Flávio Sabino; o deputado estadual Capitão Wagner Souza; o procurador-geral do estado, Fernando Oliveira; a defensora pública do estado, Andréia Coelho; a procuradora-geral de Justiça, Socorro França; e o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará, Valdetário Monteiro.

O ditado

Quem não chora não mama.” Os policiais e bombeiros cearenses merecem muito mais do que conquistaram. Não é fácil lutar contra o governo, a imprensa, a justiça e, na maioria das vezes, a população.

O ultrapassado

Muitas leis caem em desuso simplesmente porque não têm mais razão de ser (crime de adultério, por exemplo). A sociedade brasileira, mesmo ‘sem querer’, caminha para a ideia de que é no mínimo desumano proibir policiais militares de fazer greve. São tão humanos quanto os médicos. Tão trabalhadores quanto os professores. Tão – ou mais – desrespeitados quanto ambos. Que graça tem negar um direito apenas ao policial?

O ‘cantado’

Levante a mão. Venha ver o grande salto vizinho à Paraíba!

ParaibaemQAP