Suspense na Brigada

40

Na dança das cadeiras na Brigada Militar, o tenente-coronel Luiz Henrique Oliveira, se promovido a coronel, em abril, deverá ser o chefe do Estado-Maior, posto que, até então, terá titular provisório. De outra banda, o subcomando-geral ainda está entre os coronéis Alfeu Freitas Moreira e Silanus Serenito de Oliveira Mello. Detalhe: o novo comandante-geral deverá tomar posse no Palácio Piratini e não terá aquela formatura e toques de clarim tradicionais na Academia de Polícia Militar, no Partenon. O governo da transversalidade não tem afinidade com estas solenidades da caserna.

Fonte: Wanderley Soares

Jornal O Sul

Postado por Comunicação DEE ASSTBM