Líder da Anistia quer fusão de polícias

78

O secretário-geral da Anistia Internacional (AI), Salil Shetty, defendeu nesse final de semana a fusão das polícias Civil e Militar no Brasil, dando lugar a forças unificadas em um modelo civil. “O excesso de força é frequente, documentamos há anos casos de tortura e execuções. O país precisa discutir que tipo de segurança quer”, disse.

Shetty destacou ainda a iniciativa da presidente Dilma Rousseff de criar um comitê para investigar mortes de jornalistas no Brasil — foram cinco em 2012. “Isso é um sinal positivo, mas comitês nascem e poucas medidas são tomadas”, assinalou. No mundo, as mortes somaram 130 casos. O representante da Anistia chega hoje ao Brasil para visitar Brasília, São Paulo, comunidades na região Norte e o Rio de Janeiro, onde foi instalado um escritório em 2011.

Fonte: Correio do Povo

Postado por Comunicação DEE ASSTBM

Foto por: WEB Salil Shetty chega ao Brasil nesta segunda-feira,5
Foto por: WEB
Salil Shetty chega ao Brasil nesta segunda-feira,5