POLICIAL MILITAR ATROPELADO EM TORRES CONTINUA EM COMA

103

Soldado está em coma induzido

O soldado da Brigada Militar Matheus de Barros Saviniek, 27 anos, está em coma induzido. O policial militar está internado no Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre, para onde foi transferido após ser atropelado, em Torres, no Litoral Norte. Saviniek, de acordo com o capitão Rafael Luft, do 33˚ BPM, de Sapucaia do Sul, foi atingido por uma caminhonete S10, no domingo, sofrendo

traumatismo craniano, fratura em sete costelas, além de lesões no fígado e coração. Ele respira por aparelhos. Apesar de apresentar uma melhora, o seu estado ainda é considerado grave, segundo o capitão.

De acordo com Luft, o caso começou com uma comunicação de furto da caminhonete. O dono do veículo informou que o utilitário havia sido levado por um homem. Dado o alerta, a BM começou a procura. A S10, com placas de Passo de Torres, foi vista pela Estrada do Mar, indo em direção à orla. Pouco depois, o veículo passou por um grupo de 15 PMs, onde estava Saviniek. “Eles

(PMs) já tinham sido alertados e quando a caminhonete parou, foram abordá-la”, contou o oficial.

 “O rapaz que estava na direção, arrancou e em seguida deu um cavalo de pau, acertando o soldado”, reconstituiu Luft. O soldado não foi arrastado, mas o veículo passou por cima de seu corpo, tendo, inclusive arrancado parte do couro cabeludo.

Nesse momento, os colegas de Saviniek começaram a disparar contra o utilitário, tendo acertado quatro tiros no condutor. Este foi levado ao hospital de Torres, onde está internado e não corre risco de morrer. “Um pouco mais tarde, o dono da S10 nos contou que o motorista era seu filho”, disse o oficial. “Ele queria dar ‘um susto’ no rapaz, por ter pego o carro sem a sua autorização”, explicou o capitão.

O soldado foi socorrido sendo levado ao hospital de Torres. Após, foi transferido para a Capital. Segundo Luft, assim que soube do caso, o subcomandante da BM, coronel Silanus Mello, providenciou apoio ao praça, sendo providenciado um médico e um enfermeiro para cuidar do desenvolvimento do seu caso clínico. Saviniek é solteiro.

 

Fonte: Correio do Povo

Foto: Blog Ação Preventiva (Facebook) 

Postado por Comunicação DEE ASSTBM

Sd Matheus de Barros Savinieck