ZERO HORA: Salva-vidas gaúchos mudam de nome

10

A deliberação faz parte de um conjunto de medidas que estão sendo tomadas no processo de separação entre os Bombeiros e a Brigada Militar no Rio Grande do Sul

Ricardo Duarte / Agencia RBS

Tradicionais e queridos companheiros nas praias de mar e de rio, os salva-vidas não se chamam mais salva-vidas no Rio Grande do Sul. Uma portaria divulgada hoje oficializou a mudança: agora, o nome certo é guarda-vidas.  É uma adequação à norma da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático.

Por falta de tempo, os uniformes ainda terão o nome antigo no próximo veraneio, mas todos os documentos operacionais conterão a nova denominação.

De acordo com os especialistas, “guarda-vidas” reforça o foco da prevenção, um dos aspectos mais importantes para evitar afogamentos e acidentes na água. A deliberação faz parte de um conjunto de medidas que estão sendo tomadas no processo de separação entre os Bombeiros e a Brigada Militar no Rio Grande do Sul.