ZERO HORA: Piratini aguarda recursos do IPVA para avaliar novo pagamento ao funcionalismo

8

Até o momento, somente servidores que recebem até R$ 1,2 mil tiveram os salários quitados

Os técnicos da Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) ainda fazem cálculos para avaliar se será possível realizar o pagamento para mais uma faixa salarial do funcionalismo na próxima semana. Até o momento, somente 18% dos servidores do Executivo receberam o salário em dia, no valor de até R$ 1,2 mil líquidos.

O valor foi depositado na última quinta-feira (28), juntamente com a terceira parcela já corrigida do 13º salário de 2017, a todos os servidores, e a indenização pelos dias de atraso dos vencimentos de fevereiro.

O grande volume de recursos só irá entrar no caixa único a partir do dia 9 de abril, quando ingressam os recursos de ICMS. No entanto, o Piratini tem esperança de conseguir pagar outra faixa salarial na semana que vem devido ao início, na segunda-feira (2), do calendário de pagamento do IPVA conforme o número final da placa do veículo.

Na segunda, já será a data-limite para placas com final 1. O vencimento dos números seguintes ocorre sempre a cada dois dias úteis ao longo do mês abril.

Os 5,2 mil servidores das fundações receberão o salário de março integralmente na terça-feira, no valor de R$ 25 milhões.

CONTAS PÚBLICAS 

Banrisul é a única esperança para servidores voltarem a receber salários em dia 

Venda da Banrisul Cartões, em abril, e de ações excedentes do banco, em maio, são as operações capazes de injetar dinheiro nos cofres do Estado no curto prazo

Em almoço com jornalistas do Clube de Opinião, o governador José Ivo Sartori confirmou que o Banrisul é a única esperança de entrada de recursos no curto prazo para acabar com os atrasos no pagamento do funcionalismo.

São duas operações encaminhadas: a venda a Banrisul Cartões, em abril, e das ações que excedem o mínimo necessário para manter o banco sob controle estatal, mais adiante.

— Não vamos vender as ações a qualquer preço — disse Sartori.

A operação foi suspensa no final do ano passado porque a notícia de que o Estado não pretendia privatizar o banco derrubou o valor das ações.